"Ando devagar porque já tive pressa..."

"Ando devagar porque já tive pressa..."
"Ando devagar porque já tive pressa..."

04/05/2013

Beijo

B om mesmo é saber aproveitar
E beijar muito, mesmo sonhando
I sso até reforça o desejo
J á faz parte dos nossos planos
O que queremos é beijo? Então, aproveitamos e beijamos ;)
Lola (13/04/13)

Sonho Bom

Sonhei com você
No sonho eu falava... Falava sem parar...
Parecia não querer deixar você dizer ao que veio...
E você veio...Esteve aqui em minha cidade
Era dia de festa e tudo realçava a alegria daquele momento de encontro
Mas que boba fui eu que não parei de falar... Falei pelos cotovelos...
Eu sentia medo... Medo do que sentia ao lhe ver chegar...
Ao lhe ver ali na festa... Festa de família...
E ela nem dava conta da sua presença que a mim enchia os olhos
E enchia a bola...
E eu ansiosa deixei passar o momento
E você desapareceu ao vento... Feito bolha de sabão que se esvai
Não fui capaz de lhe ouvir, nem muito menos de falar o que eu queria
Queria mais ainda sua presença aqui...
Mas você está aí... E nem sabe que veio me ver
E nem me viu... Mas eu vi você...
E achei o sonho bom, apesar de saber
Que nem em sonho você me vê
E eu, que só penso em você...

Lola (13/04/13)


Vinho - Acróstico

Venho aqui, brindar com vocês
Isso chamo de confraternização
Neste sábado de alegria - ALELUIA!
Há que se observar o que de bom recebemos
Ou ficaremos chorosos como se ainda fosse sexta da paixão
Lola (30/03/13)

Parabéns, Selda

Sua beleza ultrapassa o monitor
E nos chega alegrando os nossos dias
Leio seus poemas, sua poesia 
De graça me visto e daqui sinto o seu amor Amiga poetisa, parabéns! Sempre sorria!

Bjão
Lola (28/03/13)

Óvos Espimados


Espuma branca
Ovos em neve
Como que à gota por gota, as gemas caem
Tingem de amarelo a alva clara
E a magia se faz, como em tempos de outrora
Minha mãe na cozinha
Meus olhos brilhando
Encantados com os mistérios da culinária
Milagres que nos aparecem a cada dia
E nem nos damos conta, tantas são as ocupações
As preocupações, ainda mais
Agora, neste instante, relembrei dos pequenos milagres
Que a minha mãe fazia, dia a dia, na cozinha
As cascas se partiam, as gemas caiam
Sobre a neve das claras, e eu sorria
E me encantava, e bendizia
E imaginava o tempo em que eu também seria
Capaz de produzir milagres
Como os ovos espumados no bacalhau
Como o bolo pascal
Feliz páscoa!
Aleluia!
Mais um milagre se fez
E eu, crescida, saudosa
Relembro a minha mãe milagrosa

Lola (27/03/13)

Dádiva

Meu pai se chamou José
Meu irmão, também José
Minha irmã, essa é Maria
Maria José -  Zezé
Meu sobrinho José Felinto
Neto de um Zé o menino
Haja José na família
Haja José por aqui
Quem disse que na Paraíba
Só dá Zé acertou sim
Que no dia de São José
Ele nos abençoe a todos
E traga a chuva esperada
Por todo o nosso povo
Estaremos de mãos dadas
A suplicar sua ajuda
E acreditando na graça
Agradecemos ao santo
Que Deus nos deu como dádiva

 Lola 19/03/13)

Tudo passa?


Deixa que o tempo passe
A vida passe
A gente passe
O amor...
Esse sabemos que não passa...

Lola (16/03/13)

Homenagem



P orque apareceste assim, menino?
E u nem imaginava que existias
T e vi e me abri pra outros gostos
R i ao te perceber engraçadinho
O ra, mas que bom que és assim, menino
N inguém faz cara feia se contigo
I sso é muito bom! É sim, menino!
O lha que quem te diz está sorrindo



S abe, gosto de ter-te como amiga
U ma amiga virtual, sei bem que és

S ó que para mim nada interfere
I sto é apenas um pormenor irrisório
M as em termos de amizade tudo é real
O tima companhia, divertida querida
N ada deixando a desejar das presenciais