"Ando devagar porque já tive pressa..."

"Ando devagar porque já tive pressa..."
"Ando devagar porque já tive pressa..."

26/05/2010

Tempo

O tempo é o senhor de todas as coisas
Eu sou senhora de mim
Deus é o senhor do meu tempo
Espero o tempo passar
Acreditando em mim
Tendo fé em Deus
Que tempo ruim
Não paire aqui
E será assim
Sempre e enfim
Tudo estará no lugar certo
A cada momento
Não viverei de sofrimentos, de lamento
Lamento sim, quem faz da vida assim:
Purgatório - e nem sequer
Suaviza a alma, a deixa carregada
De lamúrias e de sofrimentos
De nada que realmente valha

Tia Fada

Quando setembro chegar
Não receberemos convite
Não ficaremos felizes
Não cantaremos o Parabéns a você

Também não ficaremos tristes
Saudade, essa é a palavra
Que vai dizer o sentimento
Quando setembro chegar não festejaremos

Mas também não haverá lamentos
É hora de agradecer
A Deus por nos tê-la dado
Por tanto tempo entre a gente

Apesar de setembro, iremos em frente
Bendizendo-nos, relembrando
Que houve tantos setembros
E que felizes nós fomos

Presença boa não cessa
Luz que irradia não para
E em tudo que for beleza
Encontraremos tua aura

Tia Elvira, tia fada
Sem precisar ser madrinha
Sabendo, e muito, ser tia
Querida, amada minha


Lola (24/-5/10)

01/05/2010

Saudade acompanhada

Há 96 anos veio ao mundo
Um ser de luz e paz
Tenho sorte de tê-lo como pai
Fulgurante, querido, inesquecível.
Bem mais que pai, um anjo amigo
A palavra se fez verso em sua vida
Na minha ela reclama sua ausência
Que se faz presença indelével e não se vai
Trazendo a alegria com a saudade
Tipo de amor que é para mim verdade
Saudade louca que não tem mais fim

(Lola – 01/05/10)