"Ando devagar porque já tive pressa..."

"Ando devagar porque já tive pressa..."
"Ando devagar porque já tive pressa..."

15/01/2013

De A(Mar)


Olhando o mar, da minha varanda

Vejo uma luz fraquinha ao longe

Nao sei se vai ou vem, mas sei que é

Mais uma jangada a pescar

Olho sua luz e é só poesia

O que eu vejo e o que ela me propicia

Mas ao jangadeiro que está no mar

E vê de longe prédios tao altos

A poesia é de fato

Todo artifício que o heomem fez

Oswaldo Montenegro disse uma vez

Que há quem se encante mais com a rede

Do que com o mar que lhe dá o peixe

E eu aqui, a pensar na vida

Apartir de uma simples luz acesa

Penso que nada na vida é besteira

Tudo é poesia e assim escrevo

Sem ter receio de marés altas

Sem me conformar se elas sao baixas

Ergo meus olhos e agradeco aos céus

Pois tudo isso foi Deus quem nos deu

E até voce a Ele agradeco

E volto a sorrir, volto a ter sossego

Amar é divino e meu amor é seu

Lola (14/01/13)

Um comentário:

Sueli Rodrigues disse...

Lindo Lola
e muito encantador...consigo ver a jangada no vai e vem do mar...
bjo
Su

Arquivo do blog